Make your own free website on Tripod.com

Ejaculação

1. O aparelho genital masculino

Principais componentes da genitália masculina

Como principais componentes da genitália masculina podemos citar:

  • externos: testículos e pênis;


  • internos: próstata, canais deferentes e vesículas seminais.

principais elementos 1

 

Todos os elementos da genitália masculina

Na figura abaixo apresentamos um detalhamento da figura anterior. Observe que nos órgãos externos (testículo e pênis) são mostrados no interior do testículo os tubos semíferos e o canal do epidemio, e é mostrado no interior do pênis a uretra, o corpo cavernoso e o corpo esponjoso.

Nos órgãos internos da genitália masculina em amarelo aparece a bexiga, em vermelho a próstata, em amarelo maisw forte a vesícula seminal. E o canal deferente em marrom, na figura está saindo do testículo e indo até a próstata.

principais elementos 2

 

2. O que é o espermatozóide?

espermatozóide

O espermatozóide é uma pequena célula capaz de se locomover. O espermatozóide contém a metade das informações genéticas (provenientes do pai), necessárias a criação de um novo ser humano. A outra metade das informações genéticas estão no óvulo da mãe.

O espermatozóide é formado por três partes:

  • A cabeça: a cabeça contém o acrossomo, que é uma reserva de enzimas que permite ao espermatozóide perfurar a parede do óvulo. Ainda na cabeça há o núcleo onde estão contidas as informações genéticas.

  • A peça intermediária: na peça intermediária estão reservas de energia necessárias à realização de movimentos do flagelo.

  • O flagelo: é a parte que ondula e permite o espermatozóide "nadar".

Os espermatozóides, também chamados de "gametas machos", ocupam somente 10% do volume do sêmen emitido numa ejaculação. Os espermatozóides ejaculados dentro da vagina têm tempo para fazer deslocamento, sua duração de vida, de 2 a 5 dias.

 

3. Onde são produzidos os espermatozóides?

Os espermatozóides são produzidos dentro dos tubos semíferos, dentro do testículo. Cada um dos testículos contém de 600 a 1.200 destes tubos, são muito finos e emaranhados como num novelo. A partir da puberdade e durante toda a vida os espermatozóides são continuadamente produzidos no interior destes tubos. Na figura acima os tubos semíferos estão apresentados na cor verde.

 

4. Onde ficam armazenados os espermatozóides?

Os espermatozóides produzidos dentro dos tubos semíferos são liberados (soltos) no centro destes tubos para que possam ser levados até ao epidemio. O epidemio é onde ficam armazenados os espermatozóides por aproximadamente duas semanas. Na figura acima o epidemio (e seus canais) está apresentado na cor laranja.

 

5. O que é o sêmen?

Depois de mais ou menos duas semanas os espermatozóides saem do epidemio e viajando dentro do canal deferente os espermatozóides chegam até a vesícula seminal e a próstata. Os espermatozóides ao chegarem na vesícula seminal se mistura com secreções líquidas aí produzidas, o mesmo acontecendo quando chegam na próstata. A mistura de espermatozóides mais secreções da vesícula e da próstata é chamada de sêmen. Fica claro portanto que esperma e sêmen não são sinônimos.

 

6. O que é a ejaculação?

A ejaculação é o fenômeno da evacuação do sêmen. Ocorre na fase de ereção do pênis em que há uma enorme liberação de energia a que chamamos de orgasmo. Geralmente em uma ejaculação são descarregados de 2 à 5 ml de esperma, o líquido restante é apenas suporte para assegurar a sobrevivência dos espermatozóides em seu deslocamento.

 

7. O percurso do esperma e do sêmen durante a ejaculação

percurso durante ejaculação

O esperma e o sêmen fazem o percurso indicado pelas setas na figura acima.

No testículo, o esperma fica reservado no epidemio. Com o excitamento sexual e a propagação do orgasmo, o esperma sai do epidemio e percorre o tubo deferente (ambos os tubos deferentes, o que sai do testículo esquerdo e o que sai do testículo direito).

O tubo deferente é longo e faz um arco para cima, alcançando a posição em que está a bexiga, passa ao largo externo dela e aí o tubo deferente começa a descer.

O tubo deferente passa próximo da vesícula seminal e a pouca distância abaixo desta, o tubo deferente encontra o duto proveniente da vesícula seminal, este outro duto é chamado de duto ejaculatório. O esperma que vêm do tubo deferente mescla-se aos líquidos excretados pela vesícula seminal, trazidos pelo duto ejaculatório.

A partir desse ponto se está ejaculando o esperma mesclado dos líquidos excretados pela vesícula seminal.

O tubo deferente e o duto ejaculatório se encontram no interior da próstata, e tornam-se um único canal ao qual chamamos por uretra. A uretra tanto descarrega esperma tanto quanto urina.

Na uretra, logo que deixa a próstata, há um mecanismo de oclusão que impede que a mescla de esperma se misture com a urina, numa parte mais larga da uretra, o "bulbo da uretra".

Agora temos uma mescla de esperma mais líquidos produzidos pelas vesículas seminais e líquidos produzidos pela próstata, a ejaculação então percorre a uretra, até chegar no orifício da cabeça do pênis (meato).

Pronto. Os espermatozóides contidos no esperma, devidamente protegidos pelos líquidos produzidos pelas vesículas seminais e próstata, são arremessados para fora do pênis, concomitantemente há uma sensação de intenso prazer e apoteose. Pode acontecer de ocorrer uma ejaculação de pré-orgasmo, na qual é expelida apenas os líquidos da vesícula seminal e próstata, ou estes líquidos mais uma pequena porção de esperma, e posteriormente com o aumento da tensão sexual se dará a ejaculação plena de esperma.

 

8. Casos da vida real

Quero saber se o liquido que sai do pênis do meu namorado, ele sai bem antes dele gozar, ou conforme a transa vai acontecendo, o líquido vai saindo?

Este líquido lubrificante do canal da uretra é liberado antes da ejaculação. Nele pode haver espermatozóides capazes de fecundar o óvulo. Em relação ao tempo de liberação deste líquido, não há nenhum estudo que mostre qual o tempo exato, o que se sabe é que ele é liberado antes da ejaculação ocorrer, podendo ser liberado durante a relação sexual.


Eu ejaculo muito rápido mas sou muito novo pra ter ejaculação precoce. o que posso fazer?

É importante lembrarmos que a ejaculação precoce ocorre com homens de todas as idades, ou seja, não é um fator que ocorre somente com adolescentes. A ejaculação precoce, pode causar decepção, ansiedade e sofrimento, desconforto, tanto para um quanto para o outro parceiro. Por isto quando o homem percebe tem uma ejaculação precoce, ou seja, uma ejaculação muito rápida, a primeira coisa a se fazer é procurar um serviço de saúde (Urologista), para uma consulta médica, pois somente o/a profissional de saúde, poderá através de orientações e formas de tratamentos, controlar e/ou curar a ejaculação precoce.


A minha primeira ejaculação acontece muito rápido, acho que em 10 "bombadas" já atinjo o orgasmo. Isso está me deixando um pouco constrangido. Qual deve ser o melhor procedimento a tomar? Existe alguma técnica para esse problema?

É normal que no inicio da vida sexual com um parceiro, nas primeiras transas se goze mais rápido. Isso tem a ver com a ansiedade, a cobrança para tudo sair do jeito certo e a falta de experiência. Com o tempo, você vai ver que a confiança aumenta e fica mais fácil para controlar o momento de gozar. O que pode ajudar nessa fase é tentar ir mais devagar na transa, com movimentos mais suaves. Isso geralmente "atrasa" um pouco o orgasmo. "Brincar" com o seu parceiro antes da penetração também serve para relaxar e pode ser útil. Outra dica é treinar o controle com a masturbação. Agora, se o problema não se resolver, vale a pena consultar um especialista. Ele vai poder ajudá-lo a lidar melhor com a ansiedade e o controle do orgasmo.


Tenho 20 anos e apesar de ter um pouco de experiência, continuo ejaculando antes da hora. Algumas vezes chego até a ejacular na roupa! Gostaria de saber se isso tem algum tratamento.

Em praticamente 99% dos casos de ejaculação precoce entre os jovens, quando o garoto goza muito rápido, a causa é a ansiedade. No começo da vida sexual, muitos garotos têm essa dificuldade. Mas com o tempo e a prática, a situação tende a melhorar. O segredo é aprender a lidar com essa ansiedade. Em vez de partir logo para a penetração, procurar brincar mais, descontrair, inventar outras formas de chegar ao prazer. Com isso, você vai ganhando confiança e aprende a "segurar" um pouco mais. A masturbação também pode ser uma aliada. Tente aprender a controlar o momento da ejaculação dessa forma. Se isso não resolver, procure um especialista para ajudar nesse processo. Pode ser um psicólogo, psiquiatra ou urologista. Em casos mais extremos e, por um período limitado de tempo, o médico pode até receitar medicamentos para facilitar seu controle.


Gostaria de saber se o homem quando fica excitado solta líquido do pênis, como acontece com a mulher?

Sim, o homem durante a excitação pode liberar um liquido lubrificante assim como a mulher, mas não tão profusamente como elas. Este liquido lubrificante que não é ejaculação, pode ou não conter espermatozóides, portanto há a necessidade de usar camisinha sempre.


Eu queria saber por que demoro tanto para ejacular quando transo com meu namorado. Na masturbação é tudo bem mais rápido!

Quando você se sente confortável, mais à vontade, como acontece na masturbação, fica mais fácil chegar ao prazer. Sozinho no seu quarto, não precisa ficar se preocupando com um monte de coisas como a hora certa de gozar, ter que dar prazer para namorado, manter a ereção, etc. Fica muito mais fácil gozar! Quando entra outra pessoa na jogada e esse monte de encanações vem à cabeça, pode ficar mais difícil relaxar e atingir o orgasmo. Mas como em qualquer coisa na vida, as transas vão ficando mais legais depois de uma certa prática e experiência. Na hora da transa, brinque mais antes da penetração. Isso ajuda a diminuir a ansiedade e pode ser muito gostoso para os dois. Outro ponto a ser lembrado é que o uso da camisinha pode retardar um pouco a ejaculação. A solução nesse caso é familiarizar-se com ela. Use a camisinha para se masturbar até você se acostumar e conseguir gozar um pouco mais rápido. Só não pode deixar de usar!


Eu não consigo ejacular transando, só com a masturbação. Não chego nem perto, mesmo sem camisinha... Tenho que masturbar bem rápido para conseguir chegar lá, numa velocidade que não alcanço com meu namorado. O que pode estar acontecendo?

A principal causa de dificuldade para ejacular durante a transa é a ansiedade, principalmente entre os jovens. Na masturbação, quando você está sozinho, não tem que se preocupar se está ou não agradando o seu parceiro, se está tendo uma boa performance, se já está na hora de gozar ou não... Todos esses pensamentos ficam passando pela cabeça na hora da transa e, para muita gente, acaba atrapalhando mesmo! Na masturbação, sem a ansiedade que essas preocupações causam, fica tudo mais fácil, inclusive gozar. Com o tempo, a medida em que você for se acostumando mais com o seu parceiro e se sentindo mais à vontade, a tendência é que a ansiedade diminua e tudo fique mais fácil.

Também temos que levar em conta que a sensibilidade no pênis varia de um homem para outro. Alguns homens realmente precisam de mais estímulo ou de movimentos mais rápidos para conseguir gozar. Isso depende do corpo de cada um e temos que aprender como ele reage. Você já descobriu uma maneira de gozar, mas podem existir outros tipos de estímulos que também facilitem a sua ejaculação. O segredo é ir experimentando. Encontrar um parceiro que procure descobrir como você gosta de se excitar também pode ser legal. Às vezes, falar pra ele a maneira que você costuma fazer já é um grande passo para que a transa melhore. Ah! E essa história de deixar a camisinha de lado não tem nada a ver! Camisinha não atrapalha na sensibilidade do pênis e pode evitar muita dor de cabeça, ok?


Meu namorado não ejacula quando transa. Só consegue chegar lá quando se masturba. O que devemos fazer?

Vamos pensar um pouco nessa história: se o seu namorado consegue chegar lá quando se masturba é um sinal claro que os mecanismos que levam à ejaculação estão em condições perfeitas de funcionamento, não é? A ejaculação (que na maior parte das vezes acompanha o orgasmo masculino) é marcada pelo ponto máximo de prazer na relação sexual ou na masturbação. É o momento em que o homem acaba tendo contrações rítmicas dos músculos da região genital e chegando lá.

Quando ele está sozinho e se masturba, ele consegue. Quando ele está transando, tem dificuldade em alcançar esse ponto. Por que? Talvez porque ele esteja com algum grau de inibição. Por exemplo, ele pode estar tímido de dividir esse momento mais íntimo com você ou, ainda, pode estar um pouco ansioso. E a ansiedade é uma das piores inimigas de um desempenho sexual satisfatório. Ele pode estar se cobrando o fato de não estar conseguindo chegar lá e a ansiedade acaba atrapalhando ainda mais o seu desempenho.

Resumindo, o mais provável é que não exista nenhum problema físico com seu namorado. Ele está enfrentando alguma barreira emocional que dificulta a ejaculação. Quer saber o que pode ajudar? Um pouco de paciência, o aumento da intimidade e da confiança entre vocês e não ficar encanando com a ejaculação. Os dois devem curtir o momento íntimo entre vocês e o prazer da relação sexual. Quando vocês menos esperarem, a ejaculação vai chegar. Certo?

Jairo Bouer. ( Caliente )


ir para o topo da página